Corridinho | danças do povo português

Corridinho

O Corridinho, que também se baila em algumas terras do Ribatejo e do Alentejo, é, sobretudo, uma dança algarvia. O Algarve é a verdadeira pátria do Corridinho.

O Corridinho é uma dança antiga, porém, não muito arcaica. Ela reflecte aspectos de danças citadinas adaptadas pelo povo, pois que é, no seu aspecto geral, uma dança que se baila ao ritmo da polca-galope.

Ora, tanto a polca como o galope são danças estrangeiras citadinas do século passado.

O Corridinho é bailado ao som do fole ou flaita, isto é, da concertina e consta de duas partes:

– o «corrido» propriamente dito

– e o «rodado», que é orientado em sentido inverso ao do corrido.

Quando, porém, uma segunda parte da moda é mais mexida e o parceiro é de feição, abandonam-se os passos conhecidos e o par rodopia sempre no mesmo lugar, num passo especial a que se dá o nome de «escovinha».

Maneira de dançar o Corridinho

Posição inicial

Os pares agarram-se como habitualmente para qualquer dança e colocam-se em roda.

1.º passo

5 passos de pequeno galope lateral.

2.º Passo

Batimento dos pés, meia volta, novo batimento, novo galope de 5 passos, novo batimento.

3.º passo

12 passos de polca, batimento, 10 passos de polca, batimento.

4.º passo

O homem executa os passos de polca, à frente, e dirige a mulher com o braço passado por trás, de lado a lado, a qual executa, também, meia volta com passo de polca.

Partitura

Partitura de Corridinho Algarvio

Fonte: “Danças do Povo Português”, Tomaz Ribas (texto editado e adaptado) | Imagem