A Moda das Saias | danças do povo português

Moda das Saias

A Moda das Saias é uma dança popular bailada principalmente pela gente do Alto Alentejo mas, também, bailada em algumas regiões do Ribatejo, da Beira Baixa, da Beira Litoral, da Estremadura, da Beira Alta e do Douro Litoral.

Contudo, repetimos, é mais característica do Alto Alentejo e das terras interiores da Beira Litoral e do Ribatejo, precisamente daquela região que outrora pertenceu à Estremadura (Tomar, Pombal, Ancião, Figueiró dos Vinhos, Chão de Couce, Avelar, etc.).

É uma dança sincopada e, às vezes, com marcador.

O ritmo típico das Saias é o binário; no Alto Alentejo o binário composto (6/8); no Douro Litoral as Saias têm um ritmo nortenho – binario simples (2/4).

Há quem pretenda aparentar as Saias com a dança espanhola da Andaluzia conhecida pelo nome de saeta, porém, nada de comum parece terem, pois as Saias são uma dança profana, de divertimento, ao passo que a saeta é uma dança acompanhada de canto litúrgico e só bailada como ritual das procissões.

Há várias modalidades de Saias

A Moda das Saias tem vários aspectos, por isso, há várias modalidades de Saias:

a) velhas – as antigas, em forma de valsa-mazurca;

b) novas – as actuais, em forma de valsa-campestre;

c) aiadas – aquelas em que o marcador grita um «ai» no estribilho, a indicar a volta;

d) puladinhas (ou pulado);

e) com estribilho.

As Saias são modas acompanhadas de canto. Por isso, as Saias são só para cantar ou para cantar e bailar.

Quando cantadas, possuem uma letra sem resquebro.

Quando só cantadas, durante o trabalho, as Saias estão para a gente do Alto Alentejo como o tope está para as gentes do Baixo Alentejo.

Nas Saias, os estilos e modas (a música) bem como os pontos (a letra) são volantes e os seus ritmos, às vezes, variam, chegando a haver, na mesma região, várias Saias de estilo e moda diferentes.

Algumas vezes, o mesmo ponto serve vários estilos, mas o mais vulgar é o mesmo estilo ser cantado com vários pontos.

Já no séc. XVII se dançavam as Saias e parece que, então, elas se bailavam um pouco à maneira andaluza; tal modalidade arcaica (quer dizer: antiga) ainda hoje se encontra em Escalos de Baixo.

É no Alto Alentejo – bailadas ao som de pandeiro, e, às vezes de pandeiro e adufe – que as Saias são mais castiças.

Maneira de bailar as Saias

Posição inicial

Formam-se duas filas de pares, com os rapazes em frente das raparigas. Esta fila pode ser vulgar, mas em geral fecha-se para formar roda.

1.º passo

Os pares cruzam-se dando passos laterais.

2.° passo

Os rapazes agarram as damas pela cintura e os pares rodopiam em ritmo de valsa-campestre ou valsa-mazurca.

*****

Ai são saias, amor são saias,
Ai são saias à brasileira;
Ai, quem me dera dançar as saias,
Ai, as saias a vida inteira.

Partitura

 

 

Fonte: “Danças do Povo Português”, Tomaz Ribas (texto editado e adaptado)