Mercado Tradicional “O Feirão” em Andorra

 

O Principado de Andorra irá acolher, no próximo dia 7 de Julho, a 6ª edição do Mercado Tradicional “O Feirão”, uma iniciativa organizada e promovida pelo Grupo de Folclore ‘Casa de Portugal’, com o apoio da Câmara de Andorra la Vella, capital do Principado.

A manifestação de portugalidade vai ter lugar a partir da 11 horas na Plaça Guillemó, espaço ideal para os elementos do Grupo recriarem um mercado à moda antiga, conforme os realizados em qualquer aldeia ou vila portuguesa, nos inícios do século XX.

Como vem sendo habitual em edições anteriores, o espaço feiral estará distribuído em cinco zonas temáticas, nas quais e a gastronomia e a música tradicional portuguesa partilham espaço com o artesanato e os produtos agrícolas. O curral, com animais vivos, cativa os mais jovens, e os petiscos lusitanos fazem as delícias do público que assiste a esta mostra.

Os momentos musicais e a dança estarão a cargo do Grupo de Folclore ‘Casa de Portugal’. Uma vez mais, foi convidado o Rancho Folclórico dos Residentes do Alto Minho para enriquecer o evento com os cantares tradicionais minhotos.

 

Sobre o Grupo de Folclore ‘Casa de Portugal’

O Grupo de Folclore ‘Casa de Portugal’ no Principado de Andorra foi fundado no dia 1 de Maio de 1996, e apresenta, em terras andorranas, danças e cantares das regiões da Ribeira Lima e da Serra d’Arga, no Distrito de Viana do Castelo, norte de Portugal.

Os elementos que compõem o Grupo, têm participado nos diversos festivais em Andorra sendo um referente da cultura portuguesa e têm levado em diversas ocasiões o seu trabalho de representação a países como: Espanha, França, Portugal, Luxemburgo, Suíça e Mónaco.

Desde 2006, este Grupo é o promotor das Janeiras, com especial visita à Catedral de Sta. Maria d’Urgell (Espanha) na presença do Arcebispo Joan Enric Vives, Copríncipe de Andorra, assim como a instituições de solidariedade e estabelecimentos portugueses e andorranos. Nesse mesmo ano, inaugurou, em colaboração com a Embaixada de Portugal, uma exposição retrospectiva do grupo titulada “Uma década de cultura e amizade”.

Anualmente, no mês de Maio, no âmbito da celebração do respectivo aniversário, realiza o seu festival de folclore, e, desde 2007, organiza o “Festival de Folclore Ibérico — Principado de Andorra”, um evento consolidado que conta com a participação de grupos de Espanha, de Portugal e Andorra.

Em 2011, por ocasião do seu XV aniversário, realizou um importante trabalho fotográfico sobre as tradições minhotas de inícios de séc. XX, sob o nome de “Mosaicos de uma cultura”, sendo motivo de exposições em Andorra la Vella e Pas de la Casa no Principado de Andorra e em Vila Praia de Âncora (Portugal). Repetiu em 2016 em Andorra la Vella.

Com 3 trabalhos discográficos editados, em 2001, 2006 e 2014, o Grupo tem participado em vários programas de televisão em Andorra, Catalunha, França e Portugal e em diferentes meios de comunicação radiofónicos e na imprensa escrita.

O seu trabalho etno-folclórico foi reconhecido no dia 20 de Janeiro de 2013 com o galardão de “instituição de mérito” outorgado pelo Município de Viana do Castelo, em Sessão Solene, aquando das celebrações do 165º aniversário da elevação de Viana do Castelo a Cidade.

Fonte e saber mais